> CD - Conexão Arrastarock 

Home   

 
Em breve o novo CD:
1.  Lanterna e Capô
2.  Street Fighter
3.  Eu tô na Ásia
4.  Love Slave
5.  De Louis a Luíz
6.  Bye, Bye King
7.  Amor de Arupemba
8.  USA Connection
9.  Bem-te-vi e Beija-flor
10. Liar
11. Sa Manhã
 
Download do Programa para ouvir as músicas

Clique aqui para comprar as músicas deste CD

Conexão ArrataRock

Muito ainda se tem por fazer, mas a coletânea deste terceiro cd de Byron de Quevedo completa a fase de concretização de uma idéia que nasceu em 1973, em New York, com a intenção de se produzir um jornal que explorasse um dialeto misto de inglês e português, falado pelos imigrantes brasileiros nos Estados Unidos, o “Portuglês”. Devido o envolvimento do artista com a música, logo esta mesma idéia evoluiu, para se produzir canções que flutuassem entre alguns dos ritmos básicos brasileiros e americanos e não ficasse só na mesclagem dos idiomas escritos. A idéia passou a ser então que as canções ao fluir de um estilo para outro, construíssem um dinamismo próprio que lembrasse o blues, o rock, o xote e a catira, sem ter o compromisso em ser nenhum deles, mas que a partir desses troncos fortes surgisse, de fato, algo novo. Assim nasceu o Arrastarock.
Vital para o surgimento desse ensaio musical foram os repertórios de Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Dolores Duran, Jerry Lee Lewes, Chuck Bery, Louis Armstrong, B. B. King, Fats Domino e outros astros de peso, cujas canções e interpretações impregnaram a mente de Byron de Quevedo, tornando-a ávida em produzir as conexões que materializassem esta sonoridade agora a disposição de todos, e de forma já bem mais amadurecida, neste último cd.
Entretanto, a Arrastarock acabou se transformando num estilo exigente. Pois à medida que se buscava construir algo leve, dançável, com bom conteúdo literário e sem sofisticações, veio também a necessidade de se ter artistas versáteis que emprestassem à nova música os seus talentos. Foram então convidados a participar os músicos, empolgados com a idéia, de várias bandas e vertentes. O resultado desses esforços podem ser sentido nas 11 canções gravadas. Participa deste trabalho, o arranjador, guitarrista e parceiro de muitas canções Paulinho Moreno; cujo empenho tem sido determinante para a materialização das canções.
Conexão Arrastarock é então a cristalização de momentos que a própria vida encarrega de construir. Situações especiais ou do cotidiano geraram as criações expressadas sempre com a mesma liberdade. Afinal esta é a natureza do Arrastarock, uma música livre: que é rock que vira xote, que vira catira, que vira blues, que vira luz... Que vira vida.